Coredes prestam contas do Planejamento Estratégico

Secretário Búrigo, da SPGG, recebe do Presidente do Fórum dos Coredes, Paulo Fernandes, a prestação de contas dos recursos utilizados para elaboração dos Planos Estratégicos Regionais. Foto: ASCOM/SPGG

O Fórum dos Conselhos Regionais de Desenvolvimento (Coredes), que representam as 28 regiões do estado, apresentou, nesta quarta-feira (27) a prestação de contas da execução dos planos estratégicos de desenvolvimento, referente ao convênio firmado com a Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG).

O documento detalha os valores utilizados em cada localidade. A verba total para a execução do plano foi de R$ 2,5 milhões. Desse total, foram devolvidos R$ 372 mil, equivalentes aos rendimentos. A execução financeira teve acompanhamento técnico de uma comissão especial da SPGG e avaliação permanente da Contadoria e Auditoria-Geral do Estado (Cage).

Os Coredes identificaram suas principais necessidades e onde suas ações estratégicas devem ocorrer, entre as áreas de Agricultura, Educação, Saúde, Segurança, Infraestrutura e outras. As pautas foram definidas em audiências e consultas públicas.

Para o secretário de Planejamento, Governança e Gestão, Carlos Búrigo, o trabalho contribuirá para o crescimento do Interior do estado. “É uma ação que demonstra a transparência no setor público. A metodologia utilizada contribuiu muito para identificar o que as comunidades queriam para suas localidades. Além disso, todas as medidas estão atreladas ao Plano Plurianual do Governo do Estado”, afirmou.

Importância dos Coredes para a Gestão Pública

Qualificar o planejamento regional é o foco dos Coredes. Para que isso aconteça, a SPGG forneceu um diagnóstico de políticas públicas a cada região, relacionando com os principais problemas e oportunidades das localidades. A primeira inovação que essa ação trouxe à gestão do Estado foi a de fornecer um sentido mais estratégico à Consulta Popular 2017, com os projetos priorizados pelas regiões constituindo um subsídio ao processo.

Veja aqui as Regiões dos Coredes

Texto: Lucas Barroso/Ascom SPGG
Edição: Denise Camargo/Secom

Publicado em: